A BÍBLIA DO PERUCA: Adão peruca, a cobra e a banana


Deus Peruca, depois de 6 bilhões de anos, montando e esculhambando, e remontando, desastradamente, o Universo, finalmente havia terminado sua tarefa e, numa enjoativa tarde de sábado, curtindo uma ressaca “eterna”, resolveu descansar, dando aquela cochilada na rede da varanda. Mas como era Peruca, apesar de Deus, havia se esquecido de inventar a rede no jogo lego da Terra, o último pedaço fabricado do Universo. E, tomado por aquela preguiça divina, ficou por ali mesmo, pelo jardim do sítio do Itacolomi, que alguns milhares de anos depois seria o monte das revelações do Law-Moisés sem-pirâmide-com-dinastia, caminhando, va-ga-ro-sa-men-te… e babando sonolento!

E era tão lenta sua caminhada, e tão lerdos estavam seus neurônios, que o Universo inteirinho entrou em hibernação, reduzindo quase ao frio absoluto o movimento de suas moléculas, e a baba do Peruca Criador de Tudo se solidificou e surgiu um estranho boneco, com cara de bundão, que era a sua cara e semelhança. E Deus Peruca tropeçou no próprio clone e, após cem anos, viu que era o seu retrato e era “bom” e abobadão e deu-lhe o nome abreviado de “Adão”.

Mas a figura era muito sem graça. Não falava, não corria, nem (pecado supremo) abria a boca pra comer nuvens de galáxias, à semelhança de seu imenso pai supremo. E, então, o Deus Peruca, resolveu dar-lhe vida! E como tudo ainda andava, apesar da animação, muito gelado, peidou, com seu buzanfão infinito, sobre o Peruca Adão, que pôs-se em pé, lentamente, passando uns bons duzentos anos de quatro, e, logo avistou seu criador, abriu a boca num espanto infinito e começou a babar, enquanto uma ínfima comichão no cérebro lhe deu a noção de que 1+1 é 2 e daí por diante tudo é muito!!!

Tudo andava muito bem no jardim do Paraíso do Itacolomi, mas Deus Peruca percebeu que seu fiho predileto andava entediado, perdera o tesão de tentar contar os dedos dos pés e ultimamente andava tentando somar um mais cinco, num estranho movimento de socar mandioca! E Deus Peruca pensou: meu pobre filho precisa de uma companhia e de algo que o acorde deste sono quase eterno! E deu-lhe por parceira uma mula!

No princípio Adão Peruca achou tudo muito interessante, mas a mula era por demais semelhante a ele mesmo, convicta, impermeável à inteligência e teimosa! E quando resolvia enfiar o próprio rabo entre as pernas e escoicear o Adão tarado, que queria lhe plantar a mandioca, nem Deus Peruca conseguia dissuadi-la.

Adão Peruca e sua "Eva" Mula

Aí apareceu a cobra, que veio do nada, imprevista que estava no roteiro do vídeo universo Peruca, e foi logo mostrando pro Adão Peruca uma fruta enorme, colorida e chamativa denominada banana! E convenceu-o, apesar da teimosia (que era a maior semelhança com seu criador), a engolir a banana até o fundo, donde manou leite e mel! E o Adão Peruca ficou atordoado, maravilhado, endoidecido – até dançou um funk à velocidade da luz, lerdo que era – e resolveu que essa coisa de fêmea de jegue não tava com nada e que, dali por diante, só ia se divertir com a cobra e com a banana!

Foi então que Deus Peruca, que havia se esquecido, entre um cochilo e outro de proibir seu filho de não dar trela à cobra louca do deserto e não chegar perto da fruta de folha mole e quebrada, sacudido de seu sono eterno, por um relincho mais agudo de sua cria predileta, viu a pouca vergonha que se tornara a Terra, mandou a cobra curtir uma de coruja nas margens do Rio dos Gravatás junto à Anta Vaidosa, e expulsou o Adão Peruca pro deserto, mas não sem lhe deixar uma companhia de infortúnio, que era a culpada do desviadão: mandou junto a mula, amansada, e do “menage a trois” do Perucadão (que foi o novo nome que lhe deu o “Criador”), da mula e da banana, nasceu a “Dinastia” Delta-Rede, que gerou a grande raça dos bocabertas sobre a terra! Alguns milênios após, a lei de Deus Peruca seria novamente revelada aos puros descedentes, esquecidos da safadeza original, por Law Moisés, libertador dos trouxas!

Ubirajara Passos

Anúncios

Um comentário em “A BÍBLIA DO PERUCA: Adão peruca, a cobra e a banana

  1. Adão Peruca merece ser otoridade
    Pô, Bira! Que fantástico! Nestes tempos de Programas de Qualidade Total, espera-se que Deus Peruca seja realmente generoso e inspire a sua criatura a ocupar o único cargo digno dele.Sendo ele um intelectual desse porte – coisa rara nas hostes oficiais desta república, tem todos os predicados e honras para suceder Silvinho Pereira.
    Então, pois, que os céus acolham o clamor de todos os sensatos, éticos e transparentes: Peruca Adão para o cargo de secretário nacional do PT!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s